sábado, 21 de março de 2009

Estreia

Meu primeiro post aqui no blog vai abordar um tema extremamente fascinante para todos nós amantes da Geografia: os vulcões.

A idéia veio depois de ter tomado conhecimento de uma erupção vulcânica ocorrida no arquipélago de Tonga.

Tonga é um pequeno país da Oceania formado por 170 ilhas e ilhéus. Faz parte do Anel de Fogo do Pacífico, uma zona de convergência (choque) de placas tectônicas onde ocorre 90% da atividade sísmica e vulcânica do mundo.

As imagens são impressionantes. Segundo especialistas, a erupção teve sua origem em um forte maremoto que sacudiu o mar entre os atóis de Hunga Tonga e Hunga Há'apai. A região conhecida como bacia norte de Lau, situada entre Fiji, Samoa e Tonga, tem dezenas de vulcões submarinos ativos localizados entre 1 mil e 1.500 metros de profundidade sob as águas e que escondem vastas reservas de minerais.

Confira o vídeo. Que coragem dos cientistas hein!

video



video

Esse vídeo aqui é do Kilauea, no Hawai, um dos vulcões mais ativos do mundo.

OS VULCÕES

Vulcões são estruturas geológicas criadas quando o magma, gases e partículas quentes (como cinzas) escapam para a superfície terrestre. Eles ejetam altas quantidades de poeira, gases e aerossóis na atmosfera, podendo causar resfriamento climático temporário. São frequentemente considerados causadores de poluição natural. Tipicamente, os vulcões apresentam formato cónico e montanhoso.

A erupção de um vulcão pode resultar num grave desastre natural, por vezes de consequências planetárias. Assim como outros desastres dessa natureza, as erupções são imprevisíveis e causam danos indiscriminados. Entre outras coisas, tendem a desvalorizar os imóveis localizados em suas vizinhanças, prejudicar o turismo e consumir a renda pública e privada em reconstruções. Na Terra, os vulcões tendem formar-se junto das margens das placas tectônicas. No entanto, existem excepções quando os vulcões ocorrem em zonas chamadas de hot spots (pontos quentes). Por outro lado, os arredores de vulcões, formados de lava arrefecida, tendem a ser compostos de solos bastante férteis para a agricultura.

A palavra "vulcão" deriva do nome do deus do fogo na mitologia romana Vulcano. A ciência que estuda os vulcões designa-se por vulcanologia.

IMAGENS


Vulcão Cleveland, nas Ilhas Aleutas, Alasca, Estados Unidos, fotografia tirada a partir Estação Espacial Internacional.



Erupção do vulcão Tvashtar em Io, lua de Júpiter.

Monte Olimpus, em Marte, o maior vulcão do Sistema Solar, com altura estimada entre 22 e 29 quilômetros.

Bom, é isso aí. Prometo falar sobre vulcões no Brasil num próximo post.
Aguardo seu comentário.